segunda-feira, 24 de dezembro de 2012

Primeiro do mundo, metrô de Londres faz 150 anos e reativa maria-fumaça


Como andaríamos por vários cantos de Londres, optamos pelo cartão eletrônico Oyster Travel Card de 7 dias (29,20 libras + 5,00 pelo cartão/cada, zonas 1 e 2, onde estão concentradas as principais atrações).


As 5,00 libras são reembolsáveis se devolver o cartão (nós não sabíamos e não fizemos isso. 

Bem, certamente voltaremos à Londres e utilizaremos novamente! rs).

O metrô de Londres não é barato se comparado a alguns países e até mesmo na cidade de São Paulo (4.30 libras  por viagem nas zonas centrais como as 1 e 2), mas convenhamos, a infraestrutura é excelente!


Tem metrô em tudo que é lugar e chega-se fácil, fácil em qualquer canto de Londres. Optando pelo Oyster, pode-se viajar várias vezes dentro da zona correspondente a qualquer hora do dia, por 7 dias. Com isso dá pra economizar muitas, muitas libras. 



Outra opção de transporte é o ônibus, os famosos double decks vermelhos. 

Há por toda a cidade. Nós optamos apenas pelo metrô.

As tarifas abaixo são de 2012. Em 2013 serão reajustadas. Tabela aqui.










E a companhia para as nossas viagens foi os famosos tabloides Metro e London Evening Standard. 

É distribuído no "tube" de manhã e no final da tarde. 

E mesmo que você não consiga pegar um exemplar, seja na entrada ou na saída do "tube", dentro dos vagões sempre tem vários sob os dos assentos.  

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...